É PRECISO SE DESAPEGAR



     Será que vale  mesmo a pena viver uma vida baseada em acumular coisas?


Essa é uma pergunta que vem fazendo parte dos meus dias nos últimos meses, recentemente eu enxerguei que uma das coisas que antigamente me eram tão prazerosa hoje em dia acabou se tornando um fardo, e um fardo um pouco pesado em minha vida.

  Notei que eu estava me tornando uma pessoa acumulativa, não consumista: consumista eu sempre fui e nunca foi uma coisa que me incomodou, até os dias de hoje.



  Sabe aquele closet abarrotado de coisas que toda blogueira tem? Pois então, em ninha concepção eu só seria realmente uma blogueira bem sucedida se também tivesse um guarda roupas assim, ou só se tivesse aquela casa gigante cheia de cômodos que eu nem daria conta de aproveitar cada um da maneira com deveria ser, talvez eu nem conseguisse ir a esses cômodos todos os dias.

  Até onde vale a pena se deixar influenciar por este tipo de coisa, por este tipo de vida? A cada dia mais pessoas tem deixado de viver a sua vida atual pensando em conquistas futuras, não é errado se planejar pra ter coisas grandes, não. Alias, é isso que nos motiva a dar o melhor de nós no dia a dia, oque não pode acontecer é viver uma vida baseada no dia de amanhã, sabe aquela famosa frase? É preciso aproveitar as pequenas coisas! É isso que nos falta, precisamos aprender a apreciar cada instante, cada brigadeiro que nos permitimos comer, cada oportunidade de assistir a um programa que gostas, ou apenas o fato de estar vivo para poder fazer aquelo que queres.



   Desacelerar é preciso, você já parou pra pensar se é feliz com o ser humano que você é hoje? Faça uma análise, pare, pense na pessoa que você quer ser, no tipo de ser humano que você quer ser, estás perto de ser essa pessoa? Suas atitudes tem te deixado mais perto de ser quem queres ser?

  Eu precisei de uma análise muito profunda sobre o meu EU, em um mundo onde tudo é perfeito nas redes sociais, é quase impossível não se deixar abalar por tudo que é compartilhado, eu precisei mais ou menos de um mês pra entender oque eu realmente quero da vida e oque realmente vale a pena pra mim, e sabe a conclusão que eu cheguei?

  Cheguei a uma conclusão que eu não preciso ter muitas roupas, muitos elementos aqui em casa, que eu não preciso ter uma penteadeira abarrotada de maquiagens e que eu não preciso ter oque o "fulano" tem, eu preciso ter é aquilo que eu realmente gosto e necessito. Eu preciso é ter aquilo que me faz bem acordar e olhar todos os dias, não tô falando de coisas que se perdem com o tempo não, eu tô falando é de sentimentos, é conquistas pessoais, por minímas que sejam, tô falando é de ser feliz com oque se tem.


   É preciso DESAPEGAR, não só de roupas, isso não adianta se você não se desapegar dos pensamentos egoístas, consumistas, se você não se desapegar da ideia de ter muito para mostrar para o outro, aqui em casa essa nova filosofia de vida tem dado muito certo, tem me feito muito feliz, aos poucos vou percebendo que eu ainda tenho  muito e que preciso tirar cada vez mais coisas daqui, da casa, do closet, do coração, e da mente.

Sei que ainda tenho muito a aprender, e aprendizado se conquista aos poucos e sem dúvidas nenhuma é a única coisa que realmente vale a pena ser acumulada.


Tudo o que fizerem, seja em palavra seja em ação, façam-no em nome do Senhor Jesus, dando por meio dele graças a Deus Pai. 

Colossenses 3:17



Pin It

Nenhum comentário:

Postar um comentário